6 dicas para vender o carro rapidamente e se preparar para um novo!

Só tem um desejo maior do que comprar o primeiro carro: trocá-lo por um melhor. Depois de realizar o sonho de ter um veículo próprio e curtir muito o novo companheiro, chega um período em que começa a fazer sentido optar por vender carro e adquirir um modelo mais moderno e com menos quilômetros rodados.

Essa vontade pode surgir por diferentes motivos — mudança das necessidades da família, estratégia para gastar menos com manutenção, paixão por um modelo diferente etc. Mas trocar de carro também é um desafio. Afinal, é preciso conseguir boas condições de venda e compra. Você sabe como fazer isso? Confira abaixo 3 dicas para vender um carro rapidamente e outras 3 para comprar um veículo da melhor maneira!

1. Apresentar o veículo em bom estado

Se você quer ter sucesso na venda do carro sem demorar muito, é preciso cuidar dele. Geralmente, os compradores procuram veículos com quilometragem baixa, funcionamento regular e boa estética, não é? Para ter certeza disso, basta pensar no que você procura quando pesquisa por novos modelos.

Logo, é necessário oferecer o que o consumidor procura. Alguns cuidados devem começar muito antes de você pensar em vender carro: manter todas as revisões em dia, resolver qualquer problema rapidamente e dirigir com segurança.

Você fez tudo isso? Então, começou bem! Não deixe de valorizar essas atitudes ao encontrar com um comprador. Aproveite para mostrar o manual do carro, a chave reserva, as comprovações de manutenções preventivas e corretivas e, ainda, os acessórios que você tenha adicionado. Tudo isso ajuda a convencê-lo da compra.

Mostrar o carro sempre limpo e higienizado por dentro também é um diferencial importante. Mesmo que não represente problemas mecânicos, sujeira ou bagunça dentro do veículo não são nada atrativas. Além disso, conserte falhas na pintura antes de vender, pois as pessoas vão tentar aproveitar qualquer sinal para tentar baixar o preço.

2. Divulgar online

Hoje em dia, a maneira mais rápida de encontrar alguém interessado no seu carro é por meio da internet. Afinal, pesquisar em alguns sites sem sair de casa é muito mais simples do que visitar diferentes revendas ou checar os classificados de jornais impressos.

Por isso, aproveite a facilidade e faça um anúncio online. Mas fique atento a alguns cuidados. Primeiro, as fotos e a descrição vão ser o primeiro contato do comprador com o veículo — logo, elas precisam ser feitas com bastante eficiência.

Tire boas fotos e pegue ângulos que valorizem o seu carro. Tenha a atenção para não colocar muitas imagens, uma média de seis é o ideal. Além disso, faça um anúncio curto e chamativo, mas não deixe de divulgar as informações básicas, como quilometragem e idade do veículo.

Dar atenção às pessoas interessadas é outro ponto fundamental. Deixe seu telefone disponível e procure acessar as mensagens no site em vários momentos do dia. Muitas vezes, o comprador está ansioso e certamente valorizará quem for mais acessível a ele.

Agora, existe uma parte chata: é importante se proteger contra golpes. Infelizmente, alguns criminosos aproveitam a internet para o mal. Por isso, não exponha a placa do carro nas fotos e nunca marque encontros na sua própria casa — prefira locais públicos.

3. Pesquisar o valor de mercado

É praticamente impossível alguém comprar um carro sem barganhar o valor. Provavelmente você receberá diversas propostas para baixar o preço de venda. Algumas serão sensatas, outras nem tanto. Mas procure ter paciência mesmo com aqueles que desvalorizam seu produto.

Uma dica para ter segurança é pesquisar bastante o valor de mercado. Cheque anúncios semelhantes na internet, vá a algumas lojas e converse com pessoas experientes antes de definir seu preço. Lembre-se também de anunciar um valor um pouco acima do que o que você deseja — assim, há uma margem de desconto para agradar o comprador.

4. Ter um planejamento financeiro

Se você decidiu vender carro para comprar um melhor, há uma grande probabilidade de seus custos aumentarem. Afinal, modelos mais atuais custam mais caro e vêm acompanhados de outros gastos, como consumo de combustível, manutenção, seguro e impostos. Tudo isso custa mais em veículos valorizados.

Diante disso, será preciso pensar no planejamento financeiro. Você já tem o suficiente para pagar a diferença na compra do carro? O seu orçamento mensal comporta o aumento dos gastos? Certifique-se disso antes de realizar a troca. Fazer um consórcio é uma boa estratégia para manter o equilíbrio das finanças.

5. Pesquisar diversas opções

Outro passo fundamental na hora de comprar um carro é conhecer muitas opções antes de decidir. É provável que você já tenha um veículo dos sonhos, mas que tal realizar algumas pesquisas antes de bater o martelo? É possível descobrir outros modelos muito bons ou ter ainda mais segurança na escolha que fez anteriormente.

Nesse ponto, algo que ajuda muito é listar os critérios. Ou seja, o que você precisa ou deseja que seu próximo automóvel tenha. O modelo ideal deve atender seu gosto pessoal e suas necessidades (por exemplo, bom desempenho em viagens). Veja alguns aspectos que podem entrar na sua análise:

  • potência do motor;
  • conforto interno;
  • tamanho do porta-malas;
  • câmbio manual ou automático;
  • economia no consumo.

6. Negociar melhores condições

Nesse momento você estará no lado oposto da negociação. Pode até aproveitar para utilizar com os vendedores alguns argumentos que aprendeu com os compradores do seu carro antigo. O importante é lembrar que é possível conseguir algum desconto ou melhores possibilidades de pagamento.

Sabe o que ajuda bastante no momento de negociar valores? Ter informações. Duas estratégias são muito válidas: pesquisar bastante sobre as marcas de carro e os preços na internet e, ainda, usar as condições de um vendedor para barganhar com o outro. Se uma loja ofereceu um abatimento interessante, comunique a outra empresa e veja se ela também melhor sua oferta.

Com nossas orientações, ficou mais fácil vender carro e comprar seu modelo dos sonhos, não é mesmo? Aproveite as dicas e se prepare para trocar de veículo e curtir mais alguns anos com um grande companheiro.

Agora que você já aprendeu a valorizar seu automóvel para a venda, que tal saber como escolher o carro certo de acordo com o seu perfil de motorista?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *