O que é vistoria em apartamento? O que levar em consideração?

Chegou o grande dia. Após muito planejamento financeiro, está na hora de você finalmente colocar as mãos as chaves do seu sonhado imóvel. Mas, antes de pensar na mudança, o proprietário não pode se esquecer de realizar uma completa vistoria em apartamento.

Para realizar essa inspeção, não tenha pressa e prefira momentos de tranquilidade, para que o exame de cada detalhe possa ser feito de forma cautelosa. Esta é a hora de garantir que tudo está dentro dos padrões previamente combinados e estabelecidos em contrato.

Vale lembrar que a auditoria de entrega do apartamento pode ser feita com o auxílio de uma equipe especializada. Ou então você pode seguir alguns pontos-chave que ajudam na análise de possíveis erros ou problemas críticos que devem ser solucionados, antes da liberação final do imóvel. Quer saber como isso funciona? Vamos mostrar em detalhes como proceder. Confira!

O que é a vistoria em apartamento?

A vistoria em apartamento é uma etapa de análise que ajuda a garantir que o imóvel adquirido na planta será entregue exatamente dentro dos padrões combinados em contrato. Apesar de sua importância, não existe uma lei específica que indique a obrigatoriedade dessa avaliação — mas trata-se de algo perfeitamente normal e até mesmo esperado neste momento. Por isso, muitas construtoras até mesmo marcam essa vistoria e cobrem os custos do profissional especializado.

É na vistoria que é possível verificar se as janelas foram instaladas corretamente, se há problemas no piso, se as paredes estão retas ou mesmo se há alguma falha na instalação elétrica e no escoamento da água.

Acontece que tudo o que pode parecer um detalhe simples, tem uma grande relevância quando o assunto é casa nova — que é tão importante para o seu futuro e da sua família. Explicaremos a seguir.

Por que é importante fazer a vistoria em apartamento?

Como citamos, além de ser o momento ideal para verificar possíveis falhas e imperfeições no imóvel, é na vistoria em apartamento que você vai descobrir se há algo que foi prometido no contrato e que está diferente!

Pois é, são muitos detalhes. No entanto, mais do que um processo formal, a visita que antecede a entrega das chaves não pode ser levada pela emoção e ansiedade. Existem alguns cuidados que vão garantir mais tranquilidade e, talvez, até mesmo livrar de alguns gigantes problemas no futuro.

Agora que você já sabe como a vistoria em apartamento é essencial, que tal aprender na prática como essa etapa funciona? Continue a leitura!

Como realizar a vistoria em apartamento?

O primeiro passo para realizar uma vistoria em apartamento é reunir uma série de itens que auxiliarão bastante na verificação do imóvel. Faça isso e só depois fique tranquilo para curtir a fase de decoração do apartamento.

Separamos o que não pode faltar no seu kit:

  • balde;
  • fita métrica;
  • lanterna;
  • lâmpada 110V e 220V;
  • rodo ou vassoura;
  • fita adesiva;
  • carregador de celular ou abajur;
  • máquina fotográfica ou celular para fotos;
  • bolinha de gude;
  • espelho;
  • papel;
  • caneta;
  • memorial descritivo.

É com o arsenal de itens que você vai verificar se os pontos registrados no contrato de compra do apartamento foram respeitados durante a obra.

O que saber antes da vistoria

Para realizar a vistoria, você deve marcar uma data e horário para visitar o imóvel após acabado. Geralmente, as construtoras ou empresas disponibilizam um técnico que acompanhará essa verificação.

É importante lembrar que este é um momento muito importante. Isso porque é comum que o comprador tenha que assinar um documento afirmando que está de acordo com as condições que o imóvel foi entregue.

Na vistoria, você deve buscar por quaisquer defeitos visuais ou vícios aparentes. Por isso, é melhor quando o imóvel já está com a energia elétrica ligada — ou pode ser um pouco complicado verificar o funcionamento das tomadas etc. Então, vamos mostrar, enfim, o que você deve observar.

7 itens que você precisa observar na hora da vistoria

Antes do dia da vistoria do apartamento, prepare uma lista com tudo o que você quer e precisa avaliar no dia marcado. Depois é só organizar com cuidado a avaliação.

1. Parte hidráulica

Para verificar as instalações hidráulicas, abra todas as torneiras e deixe a água escorrer por um tempo. Assim é possível encontrar desde vazamentos nos sifões, nos reflexíveis e até o escoamento da água. O teste do escoamento, aliás, pode ser feito tanto com uma bolinha de gude, quanto com um balde de água.

Em caso de armários instalados, veja se há infiltrações. Observe também as descargas dos vasos sanitários e também verifique se há algum tipo de vazamento.

2. Parte elétrica

Como falamos, tente fazer a vistoria do apartamento só depois de ter a energia elétrica instalada e ligada. Nessa hora, utilize o carregador de celular, o abajur ou qualquer outro item que sirva como referência para avaliar o funcionamento das tomadas.

O mesmo pode ser feito com as lâmpadas, que vão mostrar se as boquilhas estão em perfeito funcionamento. Mas se não for o caso de ter a energia já funcionando, registre no documento de aprovação que a parte elétrica ainda não foi testada. Uma última dica: os disjuntores, no quadro elétrico, devem estar todos identificados.

3. Pisos e azulejos

Confira com calma se tanto os pisos, quanto os azulejos, foram instalados corretamente. Veja a qualidade do rejunte, busque por trincas e dê leves batidas nas paredes e no piso para buscar por partes ocas. Marque cada falha ou problema com a ajuda da fita adesiva.

4. Esquadrias, portas e janelas

Além de verificar se o visual das portas e janelas, também é importante conferir se o fechamento e a aberturas dos itens está acontecendo normalmente. O acabamento da instalação das esquadrias também pode ser avaliado com a ajuda de uma lanterna. Direcione a luz para buscar por aberturas que podem causar entradas de água, nas épocas de chuva.

5. Pintura

Manchas e falhas na pintura não devem ser aceitas. Avalie com bastante iluminação (por isso, faça a análise durante o dia), e confira se o tom utilizado foi o mesmo combinado. Além disso, encoste nas paredes e busque por partes molhadas, úmidas ou bolhas que indiquem algum tipo de infiltração. Seja minucioso.

6. Gesso

Analise se o gesso foi bem-acabado, se está interior, ou mesmo se há rachaduras. É indicado que o acabamento esteja liso, reto e com uma cor única.

7. Vaga de garagem

Não é apenas dentro do apartamento que deve acontecer a verificação. A inspeção deve atingir até mesmo a vaga de garagem. Avalie posicionamento e tamanho, para garantir que está de acordo com o que foi acordado no contrato.

Ao final da vistoria em apartamento comprado na planta, repasse para o técnico, engenheiro ou arquiteto que acompanhou a análise todas as suas impressões. Lembre-se de fazer registros em fotos para acompanhar a correção de possíveis falhas. Caso algumas mudanças ou consertos sejam mais complexos, talvez seja necessário um prazo de 15 dias ou um mês para finalizar as arrumações.

Com tudo pronto, é hora de mudar! Mas não se esqueça que, caso surjam problemas estruturais ou falhas graves que não puderam ser avaliadas visualmente, você tem todo o direito de acionar a construtora e solicitar uma solução.

Gostou das nossas dicas sobre vistoria em apartamento? Siga as nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram) e fique por dentro de outras informações muito valiosas.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.